Geomorfologia

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Tempo de leitura: 3 minutos

Índice

Geomorfologia

A Serra do Roncador é uma unidade geomorfológica que compõe o compartimento inferior do subconjunto oriental da Chapada dos Guimarães na região do Leste do Mato Grosso, com cotas altimétricas variando e 150 a 800 metros.

Geologicamente este relevo é constituído de rochas dos Grupos Ivaí (Formação Alto Garças e Formação Vila Maria) e Paraná (Formação Furnas e Formação Ponta Grossa) de idades ordovicianas a devonianas.

A exposição destas rochas na região na forma de serras escarpadas e chapadas revelam uma grande riqueza de estruturas sedimentares e paleontológicas e arqueológicas, oferecendo uma oportunidade impar para a confecção de roteiros turísticos com ênfase nos aspectos geológicos e paleontológicos.

Buscando melhor caracterizar o aproveitamento turístico nesta região foi realizado um roteiro entre os Município de Barra do Garças e Novo São Joaquim, passando por Nova Xavantina e Campinapólis, com a delimitação de 16 pontos com potencial turístico devido a singularidades geológicas (6 pontos), paleontológicas (5 pontos) e arqueológicas ( 5 pontos), demonstrando com isto uma possibilidade real de aproveitamento da Geologia no emergente mercado de turismo no Estado de Mato Grosso.

Rio das Mortes

O rio das Mortes que nasce na Serra do Roncador é considerado o mais importante tributário do canal principal do Rio Araguaia, com aproximadamente 60.000 km2 de área de drenagem, flui através da margem esquerda, apresenta padrão sinuoso e transcorre ao longo da Planície do Bananal em direção paralela com o rio Araguaia.

A Revista Brasileira de Geomorfologia, v.10, n.1, p.43-54, 2009 Aquino, S. et al 45 Figura 1 – Bacia do rio Araguaia e principais estações fluviométricas Caracterização hidrológica e geomorfológica dos afluentes da bacia do rio Araguaia Revista Brasileira de Geomorfologia, v.10, n.1, p.43-54, 2009 O baixo Araguaia se constitui depois da localidade de Conceição do Araguaia até sua confluência com o rio Tocantins.

Inicia-se depois da planície do Bananal, quando a planície aluvial praticamente desaparece e o rio entra em área de rochas paleozóicas e principalmente, de rochas cristalinas pré-cambrianas, com extensão aproximada de 500 km até a confluência com o Tocantins (Figura 2).

Os principais afluentes desse trecho são pela margem direita os rios: Jenipapo, Muricizal, Lontra, Corda, Piranhas II, Martinho e Barreiro, e pela margem esquerda os rios: Pau’darco, Itaipava, Xambioá e Gameleira.

Gostou deste artigo? Compartilhe 👇 com os amigos! Aqui você encontra sempre conteúdo de qualidade!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on tumblr
Tumblr
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Classificação:
4/5

Leave a Reply

Você também pode gostar: 👇

VEJA AGORA O FILME

 Enigmas da Serra do Roncador

Originally posted 2020-08-08 22:03:06.